A briga entre Paulo e Sebastião

en

Paulo vive numa roulote verde com cortinas azuis.
Sebastião vive num apartamento azul com cortinas verdes.
E todas as manhãs se encontram a caminho da escola e vão pelo mesmo passeio.

Na sala de aula, sentam-se na mesma carteira e, ao lanche, Sebastião come a salsicha de Paulo e Paulo come o chocolate de Sebastião.
E todas as quartas-feiras se encontram num terreno baldio, entre o apartamento azul de Sebastião e a roulote verde de Paulo, perto de um campo onde se veem, por vezes, rebanhos de ovelhas, carneiros e cordeiros.
Paulo e Sebastião brincam aos índios, às escondidas e à apanhada, brincam aos astronautas, às aventuras na selva, e inventam outros jogos.

Estamos no inverno. Continuar a ler

O caderno estragado

pinterest caneta p

Bárbara estava furiosa. Já tinha o dia inteiro estragado. Não, o ano inteiro!

Começara o novo ano escolar com cadernos novos, lápis de cor novos e uma caneta de tinta permanente novinha em folha. Tomara a resolução de anotar e aprender tudo direitinho logo desde o primeiro dia. Principalmente em Alemão. A professora Joana tinha sido tão simpática! E não é que a Doli passou o tempo a segredar-lhe ao ouvido a letra daquela canção que decorara no verão? Claro que a professora Joana disse imediatamente: Continuar a ler

A cor da pele

globo-m

Certo dia, Paulina chegou à escola com uma pergunta esquisita na cabeça. No dia anterior tinha ouvido as pessoas grandes falarem da cor do seu tio. Elas tinham dito que o seu tio era negro. Paulina, no entanto, olhou atentamente para ele e achou-o normal. Então perguntou à professora: Continuar a ler

Quando nos empurram

empurrar-m

José e Lídia estão a brincar aos piratas no parque infantil. Quando Lídia vai a subir para a vigia, Carolina sobe também. Lídia vai de encontro a Carolina, que cai no chão, quase em cima dos pés de José. José assusta-se mas Carolina fica furiosa com os dois piratas e começa imediatamente a bater-lhes. Continuar a ler